Josely Carvalho

BRASIL

1942

Josely Carvalho é artista multidisciplinar e poetisa. Nasceu em São Paulo e reside em Nova York desde o fim da década de 1970 mantendo também um ateliê no Rio de Janeiro desde 2002. Nas últimas quatro décadas, sua obra incorpora diversas mídias e procura dar voz à memória, à identidade e à justiça social, enquanto desafia consistentemente as fronteiras entre artista e público, arte e política.
Sua pesquisa atual Diário de Cheiros protagoniza o olfato em sua obra visual e sonora. Trata-se de um projeto sensorial que atravessa várias disciplinas. A ênfase no olfato, sentido esquecido, porém poderoso conector com a memória e a emoção, resulta de sua longa investigação sobre nossa necessidade de nos abrigar num momento histórico em que o sentido de casa/ ninho é ameaçado pelas guerras e migrações, pela fragilidade do meio ambiente.
Recebeu em 2019 em Amsterdam o prêmio internacional Art and Olfaction/ Sadakichi Award na categoria obra olfativa experimental com sua instalação Teto de Vidro: Resiliência apresentada no Museu de Arte Contemporânea de São Paulo.
Entre os prêmios que recebeu, destacam-se: Pollock Krasner Foundation, 2016-2017; Frans Masereel Print Center, Kasterlee, Bélgica, 2008; New York State Council for the Arts, 2001-2002; Harvestworks Digital Media Arts Center Residency, Nova York, 2001; Rockefeller Foundation, Bellagio International Conference and Research Center Residency, Itália, 2000; New York Foundation for the Arts, 1999-2000; National Endowment for the Arts, 1995-1996; e Art Matters Inc., Nova York, 1992-1993.
Seu projeto pioneiro de internet, Book of Roofs/ Livro das Telhas www.bookofroofs.com, de 1999, apresentado inúmeras vezes, recebeu o prêmio Creative Capital Foundation em 2000.
Suas obras públicas, exposições individuais e coletivas podem ser encontradas no site e no recente livro Diário de Imagens lançado pela Contra Capa Editora em 2018. Seu arquivo de obras
encontra-se no Artwork Archive para informações mais detalhadas. Entrevista mais recente para o website Futurist Scents escrita pela historiadora de arte e olfato Caro Verbeek: When an Olfactory Artist Loses Her Sense of Smell – An Interview with Josely Carvalho on Dealing with Corona (Quando uma artista olfativa perde o sentido do cheiro - Uma entrevista com Josely Carvalho lidando com o Corona)

Fonte:

Oratorium

Oratorium

Serigrafia e aguadas sobre seda, ráfia, palha de taboa, costura e galhos roídos por castores

Desencantando Salmu

Desencantando Salmu

Água, resina,  litografias, projeto de som, impressão digital, bloqueador de luz (2007)

Architectando: Ninho de Elias

Architectando: Ninho de Elias

500 galhos moldados em resina de vidro, filme espelhado,  6 fotografias impressas em jato de tinta da série Bednest e cheiro de jasmim (2009)

Diário de Cheiros: Affectio

Diário de Cheiros: Affectio

Esculturas de vidro soprado, mesas de aço corten, areia dolomita, seis cheiros originais: Barricada, Poeira, Anoxia, Pimenta, Lacrimae e Dama da Noite (2019)

LINKS ÚTEIS:

Apoio:

© 2020 por Artistas Latinas

Site desenvolvido por Revés Produções

Esse é um projeto sem fins lucrativos

Políticas do Site

MDWDM-logo-large-1.png
UM TETO SEU VAZADO.png
REVÉS_VAZADO.png
HISTÓRIA_DA_PARTE_VAZADO.png

Realização:

Patrocínio:

Nós respeitamos a liberdade de expressão e advertimos que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos.

  • Instagram - Black Circle