sobre o projeto 

A motivação que levou a criação desse projeto é uma notória ausência das mulheres nos livros e na bibliografia da história da arte, muito dominada por fortes tendências machistas. As produções realizadas por mulheres artistas ainda ocupam um patamar historicamente inferior ao das produções dos homens, sendo um claro exemplo disso o fato de que as 15 obras de arte mais caras já vendidas no mundo foram todas feitas por artistas homens, incluindo a obra Salvator Mundi arrematada por US$450 milhões de dólares em um leilão.

abismo que divide a produção feminina da masculina é gigante: enquanto o artista homem vivo com a obra mais cara teve seu trabalho arrematado por US$91,1 milhões de dólares, uma artista mulher nas mesmas condições vendeu a sua por US$12,4 milhões de dólares. Esse dado é criticado por estudiosos, artistas e coletivos como as Guerrillas Girls, que fazem um importante trabalho de mapeamento dos museus, demonstrando em números que a porcentagem de obras de arte realizadas por mulheres é muito inferior ao da produção masculina nos acervos dos museus, enquanto na representação dos corpos nus elas são a maioria.

Partindo desses dados, o projeto Artistas Latinas procura criar uma plataforma de difusão cultural, trazendo visibilidade para a produção artística realizadas nos países que compõe a América Latina, mostrando a diversidade e possibilidades no âmbito das artes visuais criadas em nosso continente.

Originário de uma página no Instagram, decidimos transformar o projeto em um site, trazemos uma proposta urgente para a atualidade: A criação um acervo cultural virtual gratuito e com viés educativo, voltado para pesquisas e consultas feitas por alunos, professores, artistas, pesquisadores, curadores e interessados em arte no geral, focando na difusão em artes visuais feita por mulheres e com conteúdo multidisciplinar.

Além disso, o site foi criado para ser uma plataforma colaborativa para que novas artistas possam enviar seus trabalhos para serem publicados, ampliando ainda mais a bibliografia que pretendemos construir com este site, criando uma verdadeira teia de informações.
Esta iniciativa só foi possível com o aporte financeiro realizado através dos recursos do Fundo Estadual de Cultural, disponibilizados pelo edital 01/2020 da Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, ligada ao Governo do Estado do Rio de Janeiro.

Arissana_Pataxó_-_Mulheres_Xikrin,_2018

Minha luta diária é para ser reconhecida como sujeito, impor minha existência numa sociedade que insiste em negá-la.

Djamila Ribeiro

NOSSA EQUIPE

CURADORIA E PESQUISA - AMÉRICA DO SUL E AMÉRICA DO NORTE

Paulo Farias 

CURADORIA E PESQUISA - AMÉRICA DO SUL E AMÉRICA DO NORTE

Emmanuele Russel

CURADORIA E PESQUISA - AMÉRICA CENTRAL

Francela Carrera

ASSISTENTE DE CURADORIA E PESQUISA - AMÉRICA CENTRAL

Marissa Alarcón

Renata Castillo

PRODUÇÃO EXECUTIVA

Paulo Farias

PRODUÇÃO 

Kerolay Leite

Marianna Botelho

CONSULTORIA TÉCNICA EM PRODUÇÃO CULTURAL

Thay Blois

CONSULTORIA ARTÍSTICA

Isabel Carvalho

DESIGN E EDIÇÃO DE CONTEÚDO

Ralph Campos

Renan Collier

TRADUÇÃO (ESPANHOL)

Bárbara Mota